Momento: Corpo e Alma

“Explicar o que sentimos por uma pessoa especial e por quem nos apaixonamos sob os termos estritos da química do amor é subtrair a magia do assunto. ” – Albert Einstein

Phoenix!

Eu me perco na picante sensualidade de seu corpo,

E me encontro na doce suavidade de sua alma.


Indescritível! Exuberante!
A Sensação que desperta em meu corpo, minha alma

Ao despir seu corpo suavemente
Amando-o intensamente.

Ao sensualmente cativar sua alma
Contemplando-a inteiramente.


Me encanta! Me seduz!
O exato momento 
Que nossos pensamentos se tornam um.

No proceder irreverente do seu corpo
Que fica a me provocar
Solicitando carícias e afagos.

No olhar despretensioso de sua alma
Que permanece a me convidar
Desejosa de carinho e amor.

Phoenix!

Eu me perco nas tortuosas e prazerosas curvas de seu corpo,

E me encontro na saborosa ingenuidade de sua alma.


Indescritível! Exuberante!
A Sensação que desperta em meu corpo, minha alma

Ao tatear seu corpo delicadamente,
Com beijos e suspiros
Enlaçando seus lábios
Em minha Alma

Ao navegar sua alma calmamente,
Com olhares e sorrisos
Conduzindo seus desejos
Em meu corpo.


Me encanta! Me seduz!
O exato momento 
Que nossos corpos se tornam um

No balanço frenético e 
Descompassado do seu corpo
Conduzindo meu corpo
Ao mar do prazer

No perfume intenso e 
Sedutor de sua alma
Encaminhando minha alma 
Ao jardim do coração.

Onde a sensação de prazer e amor se acumpliciam


Eu me perco…

Eu me encontro…

No encantador reencontro de nossos corpos,

No inebriante reencontro de nossas almas,

Na liberdade de amar de corpo e alma – a Phoenix. 🐉💙🔥


Cláudio Cordeiro

E Você já se Encontrou na Liberdade de Amar de Corpo e Alma.

Poema: Phoenix! Mulher de Infinita Beleza

“As pessoas são como vitrais. Elas cintilam e brilham enquanto o sol está no céu, mas quando a escuridão desce, sua beleza só se revela quando há uma luz no interior.” – Elisabeth Kubler

Seu corpo!
Estrada de curvas encantadas,
Perfeitas, sedutoras, alucinadas,
Onde meu desejo transita.


Seus olhos!
Esferas de brilho sensual,
Profundos na magia universal,
Onde minha alma reflete.


Sua boca!
Fonte de lazer,
Calientes de prazer,
Onde meu pensamento se expressa.


Seus lábios!
Moradia de desejos,
Uma poesia de ensejos,
Onde meu beijo silencia.


Seu abraço!
Oásis de inspiração
Um roteiro de intenção
Onde meu corpo permanece.


Sua voz!
Sons de sedução,
Melodia de uma canção,
Onde meu poema vibra.


Seu Sorriso!
Expressão de felicidade,
Alma em expressividade,
Onde meu amor fantasia.


Sua alma!
Leveza que encanta,
Luz do aconchego,
Onde minha alma existe.


🐉💙🔥 

Cláudio Cordeiro

E você como descreveria a Infinita Beleza de sua Mulher?

Poema: Primavera na Vida

“Descobrir o amor e nos encantar com a vida…”

Phoenix

Um poema singelo, sensível e sincero, escrito com a memória do coração na inteireza da alma – do Dragon – que pulsa intensamente o amor pela Phoenix!

O amor... O amor encanta a vida! 
É leve, solto e nasce da simplicidade...
De um bom dia com afeto, 
De um sorriso com brilho no olhar, 
De um olhar com serenidade,
De um gesto com gentileza,
De um abraço apertado, 
Tudo na intenção da felicidade esparramar.

O amor... O amor encanta a vida! 
É leve, intenso e acontece...
Em dias de Verão na vida 
Quando pedimos desculpas, sem ter culpa 
Em dias de Outono na vida
Quando aceitamos o outro como ele é.
Em dias de Inverno na vida 
Quando buscamos no abraço se sentir seguro
Em dias de Primavera na vida 
Quando floresce em direção ao outro.

Descubra o amor e se encante com a vida... 🐉💙🔥

Cláudio Cordeiro