Poema: Resplandecer

Apesar da distância,
O amor, sorridentemente,
Renasce a cada amanhecer
No jardim encantado do desejo
Como “tulipas” coloridas pela “tinta invisível” do prazer.

Meu amor está além dos pensamentos!
Sentidos no toque intangível,
De cada suspiro de prazer,
Vivenciado intensamente na intimidade do amar.

Meu amor está além das palavras!
Uma camisa trocada,
Um corredor de prazer,
Um toque suave,
Uma saudade sentida.

Meu amor está além do tempo!
Do Verão… no sol da varanda,
Da Primavera… nas flores da perede,
Do Outono… nas folhas do chão,
Do Inverno… na neve do banho,
Estações da intimidade nos momentos – do amar – na maturidade de ser.

Meu amor está além da poesia!
De uma letra desenhada com escolhas,
Numa linha traçada pelos sonhos,
Em uma página rabiscada com a “lapiseira do coração”.

Meu amor é
Um barco de pensamentos sentidos,
No mar de palavras desenhadas,
Pela areia do tempo,
Como poesia perfumada,
No jardim das intenções… de encantar, vivenciar, compreender, ser e amar,
Continuamente no Resplandecer Infinito (do seu) Sorriso.



Cláudio Cordeiro 🐉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s